Seguidores

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Despedaçada X Renovada

Quando me vi despedaçada
Em cada lágrima escorrendo
Fragmentos de um sonho perdido
Nada fiz para conter nem questionar
Como, onde e por qual razão
O destino estava mudando toda
Uma trajetória.

E como numa prece silenciosa
Dei tempo ao tempo, deixei que
Todas as lágrimas caíssem o tempo
Necessário, até que eu pudesse me recompor
Como num ato de renovação.

E evoquei a luz para clarear os meus dias,
O entendimento para um olhar venturoso,
A calma para analisar o que via,
O sorriso para tornar tudo prazeroso,
A humildade para aceitar o que eu sentia,
Enfim, era um conceito de paz que eu pedia,
Senti-me renovada nesse momento valioso!


Diná Fernandes

Querido confrade Fernando Couto, obrigada por mais essa linda parceria amigo, uma honra versar com vc!


..RENOVADA...............
Ah, por quê demoraste tanto
a perceber que cada lágrima
que pela tua face corria,
na magia do justo pranto
lavava miasmas de tu'alma
e a pura justiça se fazia?

Mas soubeste dar ao tempo,
por mais que fosse lento,
o espaço para te curar
e agora, com o coração limpo,
receber a paixão que o vento
traz, de longe, para te amar.

E assim, com a alma lavada,
não mais despedaçada,
como uma flor renovada,
estás pronta pra ser amada.
...........SP-22/11/10................
Fernando A. S. Couto.





15 comentários:

José María Souza Costa disse...

Se a rosa esfacela-se, certamente o seu perfume invade os cantos da alma.
Parabens pelo blog, e pelo post.
Estou lhe convidando a visitar o meu blog, e seguirmos por eles. estaremos gratos. Abraços

Dina a Ciganinha disse...

Obrigada José Maria por visitar o blog. hora-me sua visita!

bjs!

Ricardo Calmon disse...

Eu já te seguia,sabia???
Prazer enorme,girassolica ciganinha!
quando tempo tiveres,pesquise no blog O Mensageiro num dos últimos posts do ano que passou,heróis anonimos, Ricardo Calmon , e perceberás donde tudo se originou

não vá chorar,mas ...se acontecer,perceba,são doces............

viva a vida

Maria Luiza Silva disse...

Lindo poema mostra calma renovação e acima de tudo a tranquilidade de uma poeta.

Otelice disse...

Feliz Natal, querida.
Beijo grande no teu coração.

Maria Luiza Silva disse...

Ola amiga vim te desejar um feliz ano de 2011 com muita Paz e alegrias.
Bjs. e até 2011.

Neneca Barbosa - Um ser humano em evolução! disse...

Oi Diná!Obrigada pela visita em meu Blog.
Bela parceria.
Que 2011 seja de muita inspiração, alegria, paz, saude e amor.
Beijos, Neneca.

Gleidson Melo disse...

Querida Diná, sempre com muita inspiração.
Votos de muita felicidade em 2011.
Estou indo morar em Campo Grande / MS.
Ficarei com saudades de nossa terra.
Abraços apertados.
Gleidson

Ana Gaúcha _Professora disse...

Ciganinha
Vim ver vc por aqui tbm.
Sempre Inspirador Teu Blog
Amoooooooooooo
versar em Parceria
PARABÉNS
bjs Querida!!!

Carlos Rímolo disse...

Querida amiga e grande poetisa Diná !!!!

Perdoe-me a longa ausência. Tive problemas. Passando para deixar o meu carinho e admirar seus belíssimos textos poéticos. Adoro lê-los.
Beijos de luz!!!!

POETA CIGANO - 31/01/2011

www.carlosrimolo.blogspot.com

Ana Gaúcha _Professora disse...

CigaNinhA!!!

Vim ver e Ler vc aqui,hoje!!

Belo Poema,fico com o _RENOVADA!

-
" O amor é delicado demais para ser descrito por aqueles que o sentem. Não lhes falo do amor carnal, mas do amor divino, que é perene e imutável."

bjssssssssssss
amada//

Maria Luiza Silva disse...

Ola amiga passei para te ver não tenho tido notícias suas.
Como estas?
Bjs.

Valderez de Barros disse...

Querida amiga Diná, um sonho perdido...está perdido! Foi-se embora, mas, sempre há outros sonhos lindos, vindo espantar aquele que nos desencantou.O tempo se encarrega de renovar tudo, assim como te renovou e te inspirou este belíssimo e sábio poema, que me emocionou demais.
Saudade de ti, doce ciganinha!!!
Tens o meu carinho, sempre!!! Bjs.

Projeto Cultural Alma Brasileira disse...

Querida Diná da parceria de dois grandes poetas só poderia nascer esses versos maravilhosos.

Beijo
Sandra

Projeto Cultural Alma Brasileira disse...

Querida Diná da parceria de dois grandes poetas só poderia nascer esses versos maravilhosos.

Beijo
Sandra